Zé Roberto
Home Destaques Zé Roberto: “Prometi ao meu neto ganhar da China”
Destaques - Seleção Brasileira - 28 de abril de 2021

Zé Roberto: “Prometi ao meu neto ganhar da China”

A cena do técnico da Seleção Brasileira Masculina de Vôlei, José Roberto Guimarães, abraçando o neto Felipe, ainda no banco de reservas, após o Brasil ter perdido para a China, por 3 sets a 2 nas quartas de final da Olimpíada do Rio em 2016 é uma das mais marcantes daquela noite.

Essa, e a eliminação para a Rússia, também de virada, na semifinal de Atenas-2004 são as derrotas mais dolorosas na carreira do treinador, tricampeão olímpico (1992 com a Seleção Masculina e 2008 e 2012 com a Feminina). Felipe, na época com 6 anos, já havia sido flagrado pelo telão do ginásio chorando, um pouco antes do final do jogo, com a bandeira do Brasil em mãos. Depois, fez o Brasil se emocionar com a cena pós-jogo.

Em live na noite de terça-feira, Zé Roberto contou que fez uma promessa ao Neto: o de vencer a China, algoz daquela noite.

– Foram duas derrotas duras (Atenas-2004 e Rio-2016). Eu tenho duas lembranças marcantes. Quando a gente erra aquela última bola em Atenas e sai para pegar o ônibus para a Vila; e outra, que não me esqueço, quando abracei o meu neto. Eu fiz uma promessa para ele: vamos ganhar delas. Vamos criar algo melhor. A gente tem um bom time, a gente vai brigar – disse Zé Roberto, que foi entrevistado, na live, pela jornalista Glenda Koslowski e a medalhista olímpica Virna, bronze em Atlanta-1996 e Sydney-2000 – e que também estava em quadra na doída eliminação em Atenas.

 

Veja também

Brasil viajará com 16 jogadores para Rimini

A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) confirmou, na tarde desta segunda-feira, o elenco…