Zé Roberto
Home Destaques Zé Roberto: “Talvez para essa Olimpíada a gente vá com três meios”
Destaques - Seleção Brasileira - Tóquio-2020 - 5 de abril de 2021

Zé Roberto: “Talvez para essa Olimpíada a gente vá com três meios”

O técnico José Roberto Guimarães iniciou, nesta segunda-feira, os treinamentos da Seleção Brasileira feminina em Saquarema visando a participação na Liga das Nações e na Olimpíada de Tóquio. Com 11 atletas à disposição, ele irá completar a lista de convocadas no decorrer da semana.

Antes da final entre Itambé/Minas e Dentil/Praia Clube, Zé Roberto falou ao SporTV sobre a dificuldade de definir as 12 para os Jogos Olímpicos. Questionado sobre a volta de Rosamaria, com possibilidade de jogar na saída de rede ou na ponta, e as diversas opções para o meio de rede, ele fez a seguinte análise:

– A Rosa foi preparada para as duas posições, mas ultimamente ela vem jogando como oposta na Itália. Eu sempre disse que o importante de uma jogadora é que ela seja versátil. A ponta não é uma posição que ela gosta de fazer, não se sente muito confortável, mas tudo pode acontecer. Talvez para essa Olimpíada a gente vá com três meios. Mas a gente nunca pode dizer nunca – disse o técnico, que poderia aumentar o número de centrais para quatro, desde que abrisse mão de uma ponta ou uma oposto.

Zé Roberto comentou também sobre a importância da Liga das Nações para definição do grupo olímpico:

– Serão 15 jogos e a fase final, que não sei se vamos nos classificar, não é a prioridade. Serão 32 dias de bolha, queremos rodar o grupo para não sobrecarregar ninguém. São três dias de jogos e três de folga, precisamos tomar muito cuidado para ninguém se machucar, não ter lesão grave e assim a gente consiga entender bem esse grupo. É uma fase de treinamento que a gente vai passar para ter o melhor grupo para os Jogos – disse o tricampeão olímpico, que não coloca o Brasil como o grande favorito.

– Nós não somos o melhor grupo do mundo, temos de correr muito atrás. O nosso sistema defensivo vai ter de melhorar, mas eu tenho muita esperança de que vamos brigar de igual para igual com qualquer time do mundo.

Veja também

Taubaté busca acertar atrasados antes de anunciar reforços

Campeão da Superliga masculina 2020/2021, o EMS/Taubaté passará por uma grande reformulaçã…