Alison
Home Praia Alison dá dicas para estreia de Álvaro na “Disneylândia”
Praia - Tóquio-2020 - 20 de julho de 2021

Alison dá dicas para estreia de Álvaro na “Disneylândia”

Em Londres-2012, ao lado de Emanuel, um dos mais importantes jogadores de vôlei de praia da história, Alison era um garoto emocionado em sua primeira edição de Jogos Olímpicos. Agora, em Tóquio, aos 35 anos, veterano de duas finais, enxerga no parceiro Álvaro Filho o mesmo brilho nos olhos que ele exibia quando estreou.

Dono de uma prata em 2012 e do ouro na Rio-2016, Alison busca repassar os ensinamentos que recebeu para ajudar sua dupla a trilhar o caminho rumo ao pódio no Japão.

As disputas do vôlei de praia começarão no dia 24, no Shinokaza Park. Os brasileiros fazem o primeiro jogo contra os argentinos Azzad/Capogrosso.

– Eu tento passar para o Álvaro a mesma coisa que o Emanuel me passou e que eu conversei com o Bruno (Schmidt, parceiro na conquista do título olímpico) que é: divirta-se. Quando entrar no refeitório, na Vila Olímpica, sinta-se um privilegiado. Você está entre a nata da nata do esporte mundial, está entre os quatro melhores do seu país na sua modalidade. Aproveite tudo, ande com o celular na mão, tire foto, concentre-se no treino. E Álvaro está aproveitando. Eu vejo nele o mesmo brilho nos olhos que eu tinha quando estreei com o Emanuel – afirmou Alison após o treino realizado nesta terça-feira no Shinokaza Park.

Em sua primeira edição do evento, Álvaro diz que não se cansa de fazer perguntas para o companheiro e está tentando seguir os conselhos do parceiro.

– São meus primeiros Jogos e tem essa ansiedade. Mas estou focando em curtir cada momento e focar no que eu amo fazer. Eu tento usar ao máximo a experiência do Alison em Jogos Olímpicos. Fico fazendo pergunta direto no quarto, já deve estar até chato para ele. Para mim está sendo como a minha primeira vez na Disneylândia. Isso aqui para mim é uma Disneylândia do esporte – afirmou Álvaro.

Para lidar com a ansiedade e o nervosismo da estreia, ele tenta se lembrar de uma dica que o parceiro lhe deu.

– Ele sempre fala: isso é um jogo de vôlei. Damos uma importância grande a isso, mas a gente sabe que a vida é um todo e isso é o vôlei. Às vezes ele vê que eu estou ansioso na quadra e diz ‘olha só pra bola, um ponto de cada vez.

 

Veja também

Análise: Perdeu feio sim. Mas não é terra arrasada

A derrota da Seleção Brasileira masculina para os russos foi impactante mesmo. O placar de…