Marouf
Home Destaques Marouf confirma despedida da seleção do Irã
Destaques - Internacional - 2 de setembro de 2021

Marouf confirma despedida da seleção do Irã

Levantador confirmou a aposentadoria depois da participação nos Jogos de Tóquio

Com um post no Instagram, o levantador iraniano Saeid Marouf confirmou a decisão de encerrar a carreira na seleção, como já especulado desde o fim das Olimpíadas de Tóquio. A eliminação precoce, na primeira fase, mesmo após ter vencido a Polônia,  a idade (35 anos),  além do fato de querer iniciar projetos pessoais nos Estados Unidos, pesaram.

“Esta não é uma decisão ditada pela emoção: há muito que considero todos os aspectos, mesmo que não tenha sido uma escolha fácil para mim. Em todos esses anos tentei representar da melhor forma meu país e meus compatriotas. Eu gostaria de poder agradecê-los, mas é improvável que isso possa ser feito em poucas linhas. O que tornou o caminho menos difícil e me deixou feliz foi o amor pelo voleibol, me dando motivação para continuar”, escreveu Marouf.

O levantador, que defendeu Pequim na Liga Chinesa nos últimos dois anos, no entanto, acrescentou que quer continuar jogando por clubes por mais alguns anos. Nas redes sociais, ele já havia revelado o interesse em fixar residência nos Estados Unidos, para dividir sua experiência em projetos com universidades, base do vôlei local.

Pela seleção iraniana, Marouf conquistou dois títulos asiáticos (2014 e 2018), o bronze na Copa dos Grandes Campeões, em 2017, além do terceiro lugar no Mundial sub-19 de 2003. Pelos clubes, soma título da Champions League, da Liga Russa, da Liga Chinesa, da iraniana, entre outros.

Veja também

Superliga B começa com 20 de olho em 4 vagas na elite

A temporada 2022 da Superliga B começa nesta sexta-feira (21/1) com 10 equipes de cada gên…