Sylla
Home Destaques Sylla, com lesão no joelho, perderá início da temporada
Destaques - Internacional - 23 de setembro de 2021

Sylla, com lesão no joelho, perderá início da temporada

Problema para o Conegliano resolver na abertura da temporada 2021/2022

O Conegliano confirmou, nesta quinta-feira, um importante desfalque para o início da temporada: a ponteira Miriam Sylla. Capitã da seleção italiana, ela lesionou o joelho direito durante um jogo-treino contra o Bergamo.

Após a realização de exames mais detalhados, o Conegliano confirmou a existência de uma lesão (sem dar detalhes de qual é o problema). Neste fim de semana, Sylla embarcará para Sevilha, na Espanha, onde iniciará o tratamento. O clube confirma a ausência da atleta no início da temporada, mas não crava um prazo para a volta. Segundo o Conegliano, uma estimativa será dada depois da viagem dela.

A ausência de Sylla fará o técnico Danielle Santarelli quebrar a cabeça para escalar o time, principalmente no Campeonato Italiano. Pelo regulamento da competição, os times são obrigados a ter três atletas do país em quadra. Atualmente, o Conegliano já não conta com a central Sarah Fahr, em recuperação de uma cirurgia no joelho. Para a posição, três das quatro as opções são estrangeiras (De Kruijf-HOL, Butigan-CRO e Vuchkova-BUL), assim como as novidades para as pontas: as americanas Plummer e Courtney.

Em tese, o time conta com apenas três italianas titulares: Egonu, De Gennaro e Folie, mas apenas a oposto passa todo o tempo em quadra, já que centrais e líbero se alternam. As opções para Santarelli são mexer no levantamento, algo improvável, já que a polonesa Wolosz é a capitã do time (a outra opção é Giulia Gennari) ou apostar na jovem ponteira Loveth Omoruyi, de 19 anos.

O primeiro compromisso oficial da temporada será a Supercopa, no início de outubro.

Veja também

Bernardinho e Venturini entram para o Hall da Fama

O Brasil terá mais dois representantes no Hall da Fama do vôlei. O técnico Bernardinho e a…