Osasco
Home Destaques Fabiana: “Senti uma emoção que há tempos não sentia”
Destaques - Estaduais - 6 de outubro de 2021

Fabiana: “Senti uma emoção que há tempos não sentia”

A central Fabiana teve boa atuação na sua estreia com a camisa do Osasco, contra o Pinheiros, pelo Paulista

A central Fabiana não escondeu a alegria de  estrear com a camisa do Osasco São Cristóvão Saúde na última terça-feira (05.10), no José Liberatti, com vitória e boa atuação, após ter ficado quase dois anos longe das quadras. Ela marcou 9 pontos na vitória do seu time por 3 a 0 sobre o Pinheiros, na primeira partida da série melhor de três das semifinais do Campeonato Paulista Feminino de Vôlei 2021 e jogou com tanta segurança e desenvoltura, que nem parecei ter ficado tanto tempo sem jogar.

Osasco pode garantir vaga na final se voltar a vencer o Pinheiros na próxima sexta-feira, no Ginásio Henrique Villaboin, em São Paulo, às 21h30, com transmissão pelo SporTV. Além de Fabiana, a central norte-ameriana Rachael Adams também estreou com o camisa do time e marcou 7 pontos.

– Enfim o jogo de estreia chegou! Senti uma emoção e uma felicidade que há tempos não sentia nas quadras. Todo mundo se mostrou preocupado comigo, perguntando se eu estava ansiosa. Na verdade, foi um pouquinho de cada sentimento: ansiedade, alegria, cobrança, vontade, mas acima de tudo eu estava muito feliz de estar nas quadras novamente! Claro que ainda estou longe de estar 100%, mas fazer o que a gente mais ama não tem preço. Deus é tão maravilhoso comigo que só tenho que agradecer por esse privilégio, voltando depois de um ano e meio parada, 2 meses de treinamento intenso, meu filho Asaf completando 5 meses e eu jogando de novo! Só Deus e minha família, que sempre está ao meu lado, sabem o quanto tem sido difícil essa volta! Eu não sei fazer nada pela metade, então a dedicação é enorme em todos os sentidos… Agora a responsabilidade vai além das quadras, tenho casa, filho, família, esposo, minha cabeça e meu corpo pra cuidar, e esse último é fundamental que eu esteja bem, já que ele é meu instrumento de trabalho e que passou por um processo que mudou tudo há apenas alguns meses… Por isso tudo me sinto muito abençoada! Vou seguir trabalhando e respeitando meus limites, mas continuo firme na luta e muito feliz por mais essa oportunidade.
Só quero me divertir, sorrir, agradecer e curtir cada momento dessa vibe especial que estou vivendo! – disse a bicampeã olímpica.

O primeiro jogo da outra semifinal, entre Sesi Bauru e Barueri acontece nesta quarta-feira, às 21h30, no Ginásio Panela de Pressão, com transmissão pelo SporTV. Veja aqui os jogos de vôlei que serão transmitidos na TV nos próximos dias.

Veja também

Canal Vôlei Brasil exibirá jogos da Superliga B

Dois times fecharam a transmissão de suas partidas como mandantes na primeira fase da Supe…