Mundial
Home Destaques Mundial feminino de clubes tem os seis classificados
Destaques - Mundial de Clubes - 26 de outubro de 2021

Mundial feminino de clubes tem os seis classificados

Dupla mineira terá três potências europeias pela frente no Mundial

O encerramento do Campeonato Sul-Americano feminino, em Brasília, na noite desta segunda-feira, definiu os participantes do próximo Mundial, marcado para acontecer entre 15 e 19 de dezembro, em Ankara, na Turquia.

Estarão na disputa os brasileiros Dentil/Praia e Itambé/Minas, os turcos Vakifbank e Fenerbahce, o italiano Conegliano e o Altay, do Cazaquistão.

Os seis times serão divididos em dois grupos de três, com os dois melhores avançando para as semifinais. Para os mineiros, o “atalho” para a classificação será cair no grupo do Altay, o mais fraco dos participantes, classificado após vencer o Asiático sobre as tailandesas do Nakhon Ratchasima.

A Federação Internacional de Vôlei (FIVB) ainda não revelou como e quando será o sorteio para o Mundial, mas é possível que haja uma separação entre as equipes turcas e as brasileiras, com uma em cada grupo.

Entre o trio europeu, o Conegliano acumula atualmente (26/10) uma invencibilidade de 69 jogos. Liderado por Paola Egonu, o time italiano conta ainda com a polonesa Wolosz, as americanas Courtney e Plummer, a holandesa De Kruijf, entre outras. Já o Vakifbank, da brasileira Gabi, perdeu a última Champions League para o Conegliano, mantendo a base da temporada passada com Haak e Bartsch-Hachley, além de contratar a central americana Ogbogu. O Fenerbahce, por sua vez, reformulou a base estrangeiras, ao fechar com as russas Fedorovtseva e Lazareva e a sérvia Mina Popovic, além da brasileira Ana Cristina.

O Altay não possui estrangeiras de destaque em seu elenco, sendo formado basicamente por atletas cazaques, sem grande renome no cenário internacional.

Veja também

Santarelli revela interesse em assumir a Polônia

O técnico italiano Daniele Santarelli revelou o interesse em assumir a seleção feminina da…