Blumenau
Home Destaques Blumenau vence o Goiás e sobe para terceiro na tabela
Destaques - Superliga - 15 de janeiro de 2022

Blumenau vence o Goiás e sobe para terceiro na tabela

O Apan Eleva Blumenau ocupa agora o terceiro lugar na classificação, mas com dois jogos a mais que os times do G4

A Apan Eleva Blumenau derrotou o Goiás por 3 sets a 0 – parciais de 25-13, 25-16, 25-22 -, na noite deste sábado, em Goiânia, pela segunda rodada do returno da Superliga Masculina de Vôlei 2021/22 e subiu da sexta para a terceira posição na tabela, com 24 pontos em 13 jogos – a maioria dos times do G4, no entanto, ainda tem 11 partidas e não conseguiu jogar este ano por conta dos casos de covid.

O Goiás se manteve na 11ª colocação, com 6 pontos. O ponteiro Vitor Baesso, do Blumenau, foi o maior pontuador do jogo, com 17 pontos (16 de ataque e 1 de bloqueio) e ficou com o Troféu Viva Vôlei. Goiás cometeu 26 erros, contra 13 do time de Santa Catarina.

A equipe do Sul jogou desfalcada de três titulares e também do técnico André Donegá, que se recupera de covid. Na partida de hoje, o auxiliar Marcel Ramos, o China, foi o treinador. O levantador Rodrigo Ribeiro e o oposto Jamelão também testaram positivo para o coronavírus e não viajaram para a capital goiana. O ponteiro Renan Bonora foi outro desfalque do Blumenau,  mas não por conta do covid e sim por ter sentido uma indisposição estomacal.

– Foi muito gratificante poder ajudar a equipe, mesmo com os desfalques, a gente conseguiu imprimir o nosso ritmo. Esses três pontos eram muito importantes para o nosso objetivo de entrar no G4. Estou contente com o meu desempenho. Trabalhamos muito todo dia e o trabalho aparece – disse Vitor Baesso.

O destaque do Goiás foi o oposto Lucas Tchô Tchô, com 9 pontos (8 de ataque e 1 de bloqueio). Os donos da casa até conseguiram equilibrar o jogo em dois momentos: no início do primeiro set e no final do terceiro. Na primeira parcial, a partida chegou a estar empatada em 12 a 12. Mas, Goiás passou a errar muito e Blumenau se aproveitou. Marcou 13 pontos na sequência contra apenas um dos anfitriões, fechando o set em 25 a 13, contando com 10 pontos cedidos em erros pela equipe goiana. no terceiro set, o central Vini começou jogando na equipe de Goiás, que passou a jogar melhor, de forma mais agressiva. Perdia por 23 a 16, tirou parte da diferença, mas acabou perdendo a parcial por 25 a 22.

– A gente sabe da dificuldade que é enfrentar uma equipe qualificada como o Blumenau. Nossa equipe demorou a entrar no jogo. Faltou um pouquinho de agressividade de ataque e saque. Agora é foco total, a gente tem um duelo importante sábado em Brasília, que vale muito pra gente – disse Vini, em entrevista ao SporTV ao final da partida.

A Apan Blumenau volta a jogar na próxima quinta-feira, contra o Vôlei Renata, em partida válida pelas quartas de final da Copa Brasil – jogo único -, às 21h30, no Ginásio do Taquaral, com transmissão pelo SporTV. Confira aqui a tabela da Copa Brasil Masculina.

Dois jogos dão sequência à Superliga Masculina neste domingo. Às 19h, o América Montes Claros recebe o Sesi SP, no Ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros (MG), com transmissão pelo Canal Vôlei Brasil. Na sequência, às 21h30, o Vôlei Renata enfrenta o Sada Cruzeiro no Ginásio do Taquaral, em Campinas (SP), com transmissão pelo SporTV.

 

Veja também

Bernardinho e Venturini entram para o Hall da Fama

O Brasil terá mais dois representantes no Hall da Fama do vôlei. O técnico Bernardinho e a…