Osasco
Home Copa Brasil Copa Brasil: Osasco vence o Flu e vai à semifinal
Copa Brasil - Destaques - 18 de janeiro de 2022

Copa Brasil: Osasco vence o Flu e vai à semifinal

O Osasco derrotou o Fluminense no José Liberatti e garantiu vaga na semifinal da Copa Brasil Feminina

O Osasco São Cristóvão Saúde garantiu vaga na semifinal da Copa Brasil Feminina de Vôlei 2022 ao derrotar o Fluminense por 3 sets a 0  – parciais de 25-13, 25-23, 25-23 -, na noite desta terça-feira, no Ginásio José Liberatti, em Osasco. A equipe paulista busca o quarto título do torneio na sua história.

O time do técnico Luizomar de Moura aguarda agora a definição do seu adversário na próxima fase, que sairá ainda esta noite, do confronto entre Itambé Minas e Barueri, às 21h30, em Belo Horizonte, com transmissão gratuita pela TV NSports.

Contra Osasco, o Fluminense não contou com a sua capitã, a levantadora Bruninha, que foi suspensa hoje pela CBV (Confederação Brasileira de Vôlei), acusada de doping. Nem a CBV nem o clube carioca deram mais informações sobre o caso. O tricolor disse apenas que o assunto está a cargo do departamento jurídico do clube e que por enquanto não irá se pronunciar. A levantadora Fran foi efetivada como titular.

O outro confronto da semifinal da Copa Brasil já está definido – a fase final vai acontecer nos dias 30 e 31 deste mês em Blumenau (SC). O Dentil Praia Clube, que eliminou o Pinheiros na última sexta-feira, vai enfrentar o Sesi Bauru, que derrotou o Sesc RJ Flamengo ontem por 3 a 1, em casa.

– É muito importante a gente entrar concentrado em diminuir os erros nesse tipo de jogos. O fluminense é um time muito batalhador. Aconteceu esse caso da Bruninha hoje, mas é um time que dá trabalho – disse a oposta de Osasco, Tifanny, que pediu para que as pessoas continuem tomando as precauções contra o covid-19.

– Vamos nos cuidar para que a Superliga continue e esse público maravilhoso possa continuar vindo ao ginásio – completou.

A central Lara comentou a derrota e o afastamento da Bruninha, que aconteceu na manhã de hoje, durante o treino que o time fazia no José Liberatti.

– Foi uma surpresa pra gente, como pra todo mundo. Ela era titular desde o início da temporada, dá uma desestabilizada, claro, mas a gente tem a Fran e ela vai dar conta do recado. Vamos dar confiança para ela na Superliga. Temos de acreditar que dá – disse.

Osasco foi muito superior no primeiro set. O Fluminense sentiu a ausência da Bruninha, que tem uma distribuição rápida e joga muito com as suas centrais. Rapidamente, as donas da casa abriram 4 a 1, depois 9 a 3 e, sem dificuldade, fecharam a parcial em 25 a 13. O Fluminense equilibrou a partida nos dois sets seguintes, contando com a força do seu bom bloqueio. Chegou a ter chances de fechar os dois sets, mas cometeu erros bobos nos momentos decisivos. Com uma equipe mais experiente, Osasco soube aproveitar as oportunidades no final das parciais para fechar em 25 a 23 e vencer o jogo em 3 a 0.

 

Veja também

Farma Conde/São José renova com o central Johan

O Farma Conde/São José oficializou a renovação de mais um jogador para a próxima temporada…