Ginásio do Taquaral
Home Destaques Ginásio do Taquaral passará por modernizações
Destaques - Superliga - 10 de janeiro de 2022

Ginásio do Taquaral passará por modernizações

Vôlei Renata usará dinheiro de venda de ingressos para viabilizar parte do projeto

O Ginásio do Taquaral, casa não só do Vôlei Renata, mas também do vôlei em Campinas há mais de uma década, será modernizado. O projeto iniciará um movimento para trazer mais conforto aos seus torcedores. Tendo em vista a melhoria das acomodações em sua casa, o time campineiro iniciará, a partir deste ano, a cobrança de ingressos em seus jogos como mandante. A arrecadação será revertida para implementar o aperfeiçoamento do local.

O Ginásio do Taquaral receberá um aporte, via Prefeitura de Campinas e Secretaria de Esportes e Lazer, para melhorias estruturais de manutenção e atualização da parte elétrica, além de reformas de iluminação, telhado e piso. O Vôlei Renata enxergou neste investimento uma oportunidade de ampliar as melhorias do ginásio.

A parceria entre o time e a Secretaria de Esportes e Lazer, proporciona a utilização do ginásio durante todo o ano. Em 2016 foi realizada uma primeira etapa desta revitalização, com a reforma de vestiários, banheiros e a pintura do ginásio.

O Decreto nº 2.876 de 2 de dezembro de 1966, no artigo 11 em vigor até hoje, autoriza que: “Para atividades ou competições entre amadores e profissionais, ou só profissionais, com cobrança de ingresso em clubes, a entidades promotoras ou empresários responsáveis estarão sujeitos ao pagamento de 30% sobre o total da renda bruta, sendo tais competições previamente autorizadas pelo Secretário de Educação e Cultura”.

Quem também frequentar os jogos, vai ajudar o esporte amador da cidade de Campinas. Isto porque 30% da arrecadação vai para o FADA (Fundo Municipal de Assistência ao Desporto Amador), que atende todos os esportes e fomenta as modalidades com menor capacidade de atração de recursos.

Os ingressos custarão R$ 20,00, o valor inteiro, e R$ 10,00, a meia. Além dos que têm o benefício por lei, o Vôlei Renata ainda manterá a premissa social e adotará a meia-entrada solidária com a doação de um quilo de alimento não perecível para o Banco de Alimentos de Campinas. Desta forma, todos os torcedores poderão optar em pagar meia entrada, desde que doem um quilo de alimento não perecível.

– Queremos aprimorar a experiência do torcedor no Taquaral. Com o valor arrecadado com ingresso, queremos trazer melhorias nesse sentido nos próximos dois anos. Temos o projeto de cadeirar parte do ginásio, instalar telões de led, aprimorar o acesso do público. O plano é ampliar a contrapartida ao município por todo carinho que recebemos desde o primeiro do projeto – comenta o embaixador do Vôlei Renata, Maurício Lima.

– Pensamos em um novo momento, de trazer cada vez mais o nosso torcedor para o foco das nossas ações e oferecer para ele uma melhor experiência. Tenho certeza que no futuro olharemos para este momento como um divisor de águas no projeto e quando estivermos com o ginásio totalmente reformulado e adequado aos mais modernos conceitos, teremos mais e mais pessoas querendo vivenciar esta experiência – acrescenta Fernando Maroni, gestor do Vôlei Renata.

O primeiro jogo com o esquema de venda de ingressos será no duelo contra o Sada Cruzeiro, no próximo dia 16 (domingo), às 21h30, pela segunda rodada do segundo turno do Superliga Masculina. As entradas começam a ser comercializadas na quarta-feira (12), ao meio-dia. O time campineiro terá distribuição de entradas de forma virtual através de um módulo dentro do site da equipe, desenvolvido pelo ESM Sports Business.

É necessário fazer um cadastro, com email e celular, no voleirenata.com.br/cadastro. Após entrar com sua senha, o fã do Vôlei Renata terá acesso a Área do Torcedor, onde poderá escolher o jogo e emitir seu ingresso. Cada ingresso é transformado em um QRcode, gerado após o pedido feito pelo torcedor. Através dele, a torcida terá a entrada autorizada no Ginásio do Taquaral.

 

 

Veja também

Bernardinho e Venturini entram para o Hall da Fama

O Brasil terá mais dois representantes no Hall da Fama do vôlei. O técnico Bernardinho e a…