Modena
Home Destaques Modena e Civitanova eliminados na Copa Itália
Destaques - Internacional - 16 de janeiro de 2022

Modena e Civitanova eliminados na Copa Itália

Com roteiros semelhantes, times de Bruninho/Leal e Lucarelli estão fora da disputa

Quase simultaneamente, neste domingo, o sonho de título da Copa Itália para Modena e Civitanova terminou. Os times de Bruninho/Leal e Lucarelli foram eliminados, respectivamente, por Piacenza e Milão, mesmo jogando em casa.

Nas duas partidas de quartas de final, o resultado foi o mesmo: 3 a 1, com os mandantes vencendo a segunda parcial e perdendo a última de forma dramática. O Piacenza marcou 25-20, 22-25, 25-21 e 26-24 no Modena. Já Milão venceu o Civitanova por 25-22, 19-25, 25-20 e 29-27.

O Piacenza, do levantador francês Brizard, anunciado neste domingo como o melhor jogador do mundo em 2021, quatro jogadores ficaram próximos na pontuação: o ponta italiano Recine fez 14 pontos, um a mais do que o francês Rossard. Já os opostos Stern (ESL) e Lagumdzija (TUR) se revezaram e somaram mais 12 e 11 acertos, respectivamente.

O Modena reclamou muito da arbitragem na reta final da partida, pedindo um desvio na cabeça de Holt após um bloqueio pelo meio. Os juízes não aceitaram, deram ponto para o Piacenza, que na sequência fechou o jogo com um ace. O oposto holandês Abdel-Aziz fez 16 pontos, seguido pela ponta francês Earvin Ngapeth (14), pelo brasileiro Leal e pelo sérvio Stankovic (13 cada).

Já no outro confronto, titular no lugar do portorriquenho Gabi Garcia, Zaytsev foi o maior pontuador do confronto com 23 acertos. O brasileiro Lucarelli e o cubano Simon fizeram mais 12 cada para o Civitanova. Pelo time de Milão, o americano Jaeschke anotou 18, seguido pelos franceses Patry e Chinenyeze, com 15 cada.

Nas semifinais, o Piacenza espera pelo vencedor de Perugia e Padova. Já o Milão pegará o Trentino, que venceu Monza com tranquilidade hoje: 3 a 0 (25-16, 25-13 e 25-21).

 

Veja também

Bernardinho e Venturini entram para o Hall da Fama

O Brasil terá mais dois representantes no Hall da Fama do vôlei. O técnico Bernardinho e a…