Modena Tours
Home Internacional Presidente do Modena: “Problemas estavam escondidos”
Internacional - 21 de janeiro de 2022

Presidente do Modena: “Problemas estavam escondidos”

Eliminações em sequência fizeram o clima no Modena esquentar

A eliminação dupla do Modena na Copa Itália e na Copa CEV chacoalhou os bastidores do clube. A presidente Catia Pedrini deixou isso claro ao falar sobre o momento complicado da equipe na temporada 2021/2022.

Antes de ser desclassificado nas duas competição, o Modena vinha de 13 vitórias seguidas e parecia ter entrado nos trilhos para a segunda metade da temporada. Mas, de acordo com a declaração da dirigente, a sequência serviu para esconder problemas.

– Somos uma equipe em dificuldade. As últimas derrotas consecutivas e as consequentes eliminações da Copa Itália e da Copa CEV testemunham isso. Mas, como equipe, sairemos disso. As responsabilidades deste momento são distribuídas entre os jogadores e a comissão técnica e, sem querer esconder, certamente o clube, ou melhor, Sartoretti e eu, teríamos que intervir com mais tempo para resolver os problemas que estavam evidentemente escondidos sob as 13 vitórias consecutivas – comentou Pedrini, sem deixar claro quais seriam os problemas.

Na entrevista do diretor Andrea Sartoretti após a eliminação diante do Tours (FRA), na quarta-feira, a continuidade de Andrea Giani como técnico foi abordada.

– A reflexão é de 360 ​​graus. O nosso clube sempre se expressou claramente sobre o treinador, mas queremos que toda a equipe nos dê uma explicação – comentou Sartoretti.

– O papel do presidente, num clube, envolve inevitavelmente o peso das decisões mais difíceis, como a que diz respeito à dispensa de um treinador – completou Pedrini.

O Modena investiu pesado para formar o elenco, contratando um quarteto renomado: Bruninho, Earvin Ngapeth, Leal e Nimir Abdel-Aziz.

 

Veja também

Bernardinho e Venturini entram para o Hall da Fama

O Brasil terá mais dois representantes no Hall da Fama do vôlei. O técnico Bernardinho e a…