Thiago Vaccari
Home Categorias de base Thiago Vaccari realiza sonho e “divide” Seleção com o irmão
Categorias de base - Seleção Brasileira - 10 de maio de 2022

Thiago Vaccari realiza sonho e “divide” Seleção com o irmão

Jovem do Vôlei Renata foi convocado para a Seleção sub-19. O irmão Gabriel treina para a VNL

O sobrenome Vaccari ganhou espaço no vôlei brasileiro nos últimos anos com o desenvolvimento de Gabriel, após passagens  por Sesi e Vôlei Renata, antes da primeira experiência internacional no Tourcoing, da França. Agora, durante o período de treinamento das Seleções adulta e de base em Saquarema, a família Vaccari passa a contar com um segundo representante vestindo a Amarelinha.

Thiago Vaccari foi convocado para os treinos da Seleção Brasileira sub-19. Ponteiro como o irmão famoso, ele joga nas categorias de base do Vôlei Renata e terá a primeira oportunidade de compartilhar o ambiente com sua inspiração no vôlei. Já Gabriel, 25 anos, está retornando para o vôlei nacional e reforçará o Sada Cruzeiro na temporada 2022/2023.

– Minha primeira convocação já é algo muito especial. E partilhar esse espaço com ele torna algo ainda melhor – disse Thiago, de 1,96m e 16 anos.

Confira abaixo uma entrevista com Thiago Vaccari:

1) Antes de tudo, quero que você se apresente para os leitores e conter um pouco de sua trajetória.
Meu nome é Thiago Vaccari Kavalkievicz, sou ponteiro e atualmente jogo no Renata. Comecei a jogar vôlei em Goiás por volta dos 8 anos, com o Charles que é o técnico que também começou com meu irmão. Lá eu joguei alguns campeonatinhos e depois vim para o Renata no fim de 2020 onde estou até hoje. Pela minha posição eu tento ser o mais completo possível, tanto ofensivamente quanto no fundo de quadra.

2) Atualmente você defende o Vôlei Renata, que tem um trabalho de base muito elogiado. O que pode dizer sobre seu atual momento no projeto?
Estou muito feliz de fazer parte desse projeto. No momento acabei de subir de categoria e tem vários jogadores mais velhos para disputar vaga. Mas fico muito feliz com a oportunidade de crescimento pra mim.

3) Como será compartilhar Saquarema com seu irmão durante o período de treinos das Seleções?
Vai ser uma experiência incrível, tenho certeza. Minha primeira convocação já é algo muito especial e partilhar esse espaço com ele torna algo ainda melhor. Sei que posso contar com ele pra tudo.

4) Como o Gabriel influenciou sua decisão de ser jogador? Ele é um irmão que gosta de dar conselhos, dicas, broncas?
O Gabriel me influenciou bastante na decisão de ser jogador. Ele sempre me apoiou nas minhas escolhas e no primeiro momento eu morei com ele quando fui para o Renata. Ele me ajudou muito na adaptação também. Além de, claro, eu desde pequeno me inspirar nele e em sua trajetória. Ele sempre me dá várias broncas, mas vários conselhos também (risos), em relação ao esporte e em relação à nossa convivência.

5) O vôlei brasileiro tem vários casos recentes de irmã(o)s atuando juntos. Alan/Darlan, Michelle/Monique, Brayelin/Jineiry. Já imagina Thiago e Gabriel Vaccari atuando juntos em algum momento?
Seria algo incrível e é um sonho. Acredito que vai acontecer no futuro e penso que daria certo dentro de quadra já que somos muito próximos. E tenho certeza que se acontecer eu, ele e nossa família ficaríamos extremamente felizes.

 

Veja também

Bernardinho e Venturini entram para o Hall da Fama

O Brasil terá mais dois representantes no Hall da Fama do vôlei. O técnico Bernardinho e a…