Itália
Home Destaques Itália sofre baixas por covid para sequência da VNL feminina
Destaques - Liga das Nações - 23 de junho de 2022

Itália sofre baixas por covid para sequência da VNL feminina

Mazzanti perdeu três jogadoras, sendo duas titulares, na etapa de Brasília

O técnico Davide Mazzanti reiniciou, nesta quinta-feira, os treinamentos da seleção feminina de Itália para a terceira etapa da Liga das Nações feminina (VNL), em Sofia, na Bulgária, na próxima semana. E com baixas por conta de casos positivos de covid.

As pontas Caterina Bosetti e Anastasia Guerra, além da central Marina Lubian, foram diagnosticadas com o vírus após o retorno ao país da etapa de Brasília, na semana passada. Bosetti e Lubian, inclusive, foram titulares da Itália nos últimos jogos. Sem o trio, o treinador tem 13 atletas à disposição para os treinamentos.

Uma das novidades é a presença da ponteira Elena Pietrini, ausente das etapas anteriores. Outra cara nova é a levantadora Alessia Orro.

Veja abaixo as atletas da Itália chamadas para a próxima etapa da VNL:

Levantadoras: Ofelia Malinov e Alessia Orro

Opostos: Paola Egonu e Sylvia Nwakalor

Pontas: Alessia Gennari, Miriam Sylla, Alice Degradi e Elena Pietrini

Centrais: Anna Danesi, Sara Bonifacio e Cristina Chirichella

Líberos: Monica De Gennaro e Eleonora Fersino

A Itália ocupa a quarta colocação na VNL feminina após duas etapas. Confira a classificação da Liga das Nações. No encerramento da fase inicial, a Itália enfrentará Polônia, Coreia do Sul, Bulgária e Tailândia.

Veja também

Kelsey Robinson está de volta ao Conegliano

Os grandes clubes italianos estão “famintos” no mercado de transferências do v…