VNL Japão
Home Liga das Nações Japão perde outra e entra no caminho do Brasil
Liga das Nações - 3 de julho de 2022

Japão perde outra e entra no caminho do Brasil

Depois de liderar a VNL, Japão emendou derrotas seguidas e terá Brasil como rival nas quartas

O Japão chegou a ser líder invicto e maior surpresa da Liga das Nações feminina. Ao fim da fase de classificação, o time asiático acumulou derrotas em sequência e será o adversário do Brasil nas quartas de final, terminando apenas na quinta colocação.

A última rodada da etapa classificatória da VNL, neste domingo, teve confrontos interessantes para definir o chaveamento da próxima fase e a equipe que seria rebaixada. Jogando em Calgary (CAN), a Bélgica tinha a missão quase impossível de vencer a equipe japonesa e sonhar com um revés da Bulgária para a Polônia, jogo que acontecia simultaneamente, em Sofia (BUL). A Bélgica até que tentou e fez sua parte, mas mesmo vencendo no tie-break (25-16, 18-25, 25-19, 11-25 e 15-10) não conseguiu evitar o rebaixamento, por conta da vitória da Bulgária por 3 sets a 1 sobre a Polônia de Stefano Lavarini: 25-22, 13-25, 17-25 e 22-25.

O rebaixamento belga ficou marcado pelo anticlímax da vitória. Segundos após comemorarem muito o triunfo diante das japonesas, elas foram informadas da derrota da Polônia para a Bulgária.

O duelo também marcou uma disputa entre Britt Herbots e Sarina Koga. Desde o início da VNL, as ponteiras figuraram entre as maiores pontuadoras. A belga marcou 29 no jogo de hoje e se consolidou como a maior pontuadora da fase classificatória com 306 pontos. Enquanto a japonesa, veio logo atrás na segunda posição, anotando 243 acertos.

No outro jogo, a jovem ponteira Maria Yordanova foi a grande personagem da permanência da Bulgária na VNL. Ela anotou 22 pontos. Pela Polônia, Olivia Rozanski somou 19. A Bélgica agora tentará vencer a Challenger Cup, competição que dará vaga a seleção vencedora para a VNL 2023, mas sem muito descanso, já a competição está marcada para o fim desse mês. Por outro lado, a Bulgária e a Polônia garantiram permanência na elite por mais um ano.

O último confronto a ser definido para as quartas de final foi Turquia x Tailândia. A classificação das asiáticas aconteceu após a vitória dos Estados Unidos sobre a  Alemanha por  3 a 1.

CONFRONTOS DAS QUARTAS DE FINAL

Estados Unidos x Sérvia
Brasil x Japão
Itália x China
Turquia x Tailândia

A fase final, em Ankara, acontecerá a partir do dia 13 de julho,  com a grande final marcada para o dia 17.

Por Robson Leal, em colaboração ao Web Vôlei

Veja também

Fluminense: aposta em elenco alto, jovem e agressivo

Primeiro campeão brasileiro de vôlei feminino, em 1976, e seis vezes campeão sul-americano…