Suécia
Home Destaques Suécia conquista Liga de Prata, sem tanto brilho de Haak
Destaques - Internacional - 2 de julho de 2022

Suécia conquista Liga de Prata, sem tanto brilho de Haak

Desta vez Isabelle Haak não precisou ser protagonista para a vitória sueca na decisão

Jogando em casa e com apoio da sua torcida, a Suécia voltou a conquistar a Liga de Prata Europeia. A competição de nações que representam o segundo escalão do continente teve sua final neste sábado, em Lund. Suécia e Portugal chegaram à final do torneio por obterem as melhores campanhas da fase classificatória, respectivamente.

As duas equipes já tinham se enfrentado na fase prévia, com uma vitória para cada lado e ambos os jogos indo para o tie-break. O cenário esperado para a final era de muito equilíbrio. Mas acabou por ficar só na teoria, já que na prática a Suécia teve um desempenho avassalador e garantiu o triunfo em sets diretos: 25-19, 25-21 e 25-16.

Destaque para a performance do bloqueio sueco que, com 12 pontos, foi crucial para o título. O saque também foi um diferencial: foram 10 aces contra apenas três pelo lado português. Os fãs que esperavam um monólogo da oposto Isabelle Haak foram surpreendidos ao ver que Alexandra Lazic foi quem roubou a cena. A ponteira, além de ser eleita a MVP do jogo, foi a maior pontuadora do confronto com 19 acertos, cinco a mais que Haak. A oposto e grande craque do time, mesmo não pontuando tanto como em outras oportunidades, cada vez se firma como grande nome da geração. Isabelle Haak, nova jogadora do Conegliano, terminou como a maior pontuadora do torneio, totalizando 217 pontos em nove jogos.

Pelo lado de Portugal, Julia Kavalenka foi a maior pontuadora na final, com 12. A oposto portuguesa também foi destaque ao longo do torneio e finalizou como segunda maior marcadora, com 162 pontos.

Esse foi o segundo título da seleção sueca na competição. Anteriormente as suecas já haviam vencido na edição de 2018. O título confirmou a Suécia na Liga de Ouro Europeia 2023, competição que prevê vaga para a Copa Challenger, divisão de acesso da VNL, ao vencedor.

Por Robson Leal, em colaboração ao Web Vôlei

Veja também

Brasil vai disputar 7º lugar na Copa Pan-Americana

A Seleção Brasileira sub-21 segue sem vitória na Copa Pan-Americana masculina. Neste sábad…