VNL
Home Liga das Nações VNL: Estados Unidos, após jogaço, de volta à liderança
Liga das Nações - 2 de julho de 2022

VNL: Estados Unidos, após jogaço, de volta à liderança

Primeiro lugar garantido para as campeãs olímpicas antecipadamente

Durou pouco a liderança brasileira na Liga das Nações feminina (VNL). Na noite deste sábado, os Estados Unidos venceram a Turquia por 3 sets a 2, parciais de 25-22, 18-25, 27-25, 23-25 e 18-16, em Calgary, no Canadá.

Com o resultado, as americanas chegaram ao décimo triunfo em 11 jogos, empatando com o Brasil. No segundo critério, tudo igual também: 29 pontos cada. A vantagem do time de Karch Kiraly é nos sets average. Mesmo que sejam derrotadas neste domingo pela Alemanha, as campeãs olímpicas não perderão mais a liderança (confira a classificação da VNL feminina).

E tudo isso é importante para o emparceiramento das quartas de final. Como benefício por ser a sede das finais, a Turquia subirá para o primeiro posto, encarando o oitavo (Tailândia ou Canadá). Já os Estados Unidos, líderes de fato mas em segundo lugar para a fase final da VNL, duelarão com o sétimo, atualmente a Sérvia. Brasil x China e Japão x Itália são os outros confrontos neste momento. Ainda existe a chance de as japoneses ultrapassarem o Brasil, caso vençam seus dois jogos pendentes (Sérvia x Bélgica).

Diante da Turquia, o time americano viveu momentos ruins. Com o jogo empatado por 1 a 1, a equipe de Giovanni Guidetti teve três set points. Um erro no contra-ataque, um ace de Poulter com ajuda da fita e um contra-ataque deixaram tudo igual. E as americanas viraram, após um ataque de Drews resvalar no dedo de uma bloqueadora turca. O revés não abalou o psicológico da Turquia e isso é uma ótima notícia para o treinador italiano, que viu a decisão acontecer apenas no tie-break.

No quinto set, as turcas abriram frente e pareciam caminhar para a virada. Kelsey Robinson deu o nome, terminando com 21 pontos, três a menos do que Annie Drews, outra peça-chave na reta final da parcial.

Na disputa entre as maiores pontuadoras, a oposto Ebrar Karakurt terminou com 27 pontos, seguida de perto pela ponteira americana Kara Bajema, reforço do Vakifbank para a temporada 2022/2023, com 26.

Veja também

Brasil e França empatam em jogo-treino

As seleções masculina de Brasil e França disputaram um jogo-treino em Montpellier, nesta q…