Convocação
Home Seleção Brasileira Convocação de Zé Roberto é coerente e agrada
Seleção Brasileira - 1 de agosto de 2022

Convocação de Zé Roberto é coerente e agrada

Análise de Daniel Bortoletto sobre a lista do Brasil para o Mundial

Gostei. Assim defino a minha sensação ao ver a tão esperada convocação da Seleção Brasileira para o Campeonato Mundial feminino, no início da tarde desta segunda-feira.

A lista de José Roberto Guimarães é muito coerente. E, entre as atletas disponíveis, apresenta o que o Brasil tem de melhor hoje.

A grande interrogação, após o vice-campeonato na VNL, era ver como Zé Roberto iria administrar o meio de rede, com a ausência certa de Diana. E era muito claro que Carol Gattaz e Thaísa eram as melhores opções. Qualquer uma das alternativas não demandaria teste e seria um baita reforço para o Mundial. Mas era muito óbvio também que era uma ou outra.

Com Gattaz, o Brasil ganha uma opção ofensiva que se entende de olhos fechados com Macris. Aquela China, que muita gente achava nunca mais iria ver, está viva! A rede de dois da Seleção passa a ter uma arma letal à disposição. Sem falar da experiência e da liderança.

O Brasil também ganharia muito com Thaísa. No block, no saque, no respeito do adversário… Mas a bicampeã olímpica, segundo apurou o Web Vôlei, não se colocou à disposição para deixar a aposentadoria da Seleção para disputar o Mundial. É preciso respeitar e entender a posição dela.

Também é interessante a convocação de Lorrayna e Tainara. Zé Roberto terá um mês pela frente para analisar a dupla para ver se as duas ou uma delas consegue se firmar entre as 14 inscritas para o Mundial. A disputa promete ser boa.

A canhota, mesmo inexperiente no cenário internacional, tem bola para ganhar espaço. Precisa, como tantas vezes Zé já pediu nos tempos de Barueri, errar menos e saber a hora de descarregar a força total ou dosá-la.

O técnico vem batendo ainda na tecla da polivalência. Hoje é difícil dizer se Ana Cristina e Rosamaria são pontas ou opostas. Fazer bem as duas funções dá pontos extras. E Tainara, após tratamento de problema no ombro, pode se juntar a esse grupo, caso consiga ser mais regular no passe.

No mais, se nenhuma questão física atrapalhar (já bati na madeira três vezes), vejo 13 das 14 vagas definidas para o Mundial:

Levantadoras: Macris e Roberta

Oposto: Kisy

Opostos/pontas: Ana Cristina e Rosamaria

Pontas: Gabi e Pri Daroit

Centrais: Carol, Julia Kudiess, Carol Gattaz e Lorena

Líberos: Natinha e Nyeme

Na minha lista para o Mundial, Lorenne, Lorrayna e Tainara brigam pela vaga restante. Concordam?

Por Daniel Bortoletto

Veja também

Mineiro masculino: divulgados os oito participantes

A Federação Mineira anunciou, nesta terça-feira, os oito participantes do Estadual masculi…