Mundial
Home Internacional Panorama do Campeonato Mundial masculino de 2022
Internacional - 19 de julho de 2022

Panorama do Campeonato Mundial masculino de 2022

Brasil tenta reconquistar o título após dois vices consecutivos

Tem muito vôlei pela frente na segunda metade de 2022! No masculino, o Campeonato Mundial acontecerá entre 26 de agosto e 11 de setembro com sedes divididas entre Polônia e Eslovênia. Quer saber um pouco mais sobre o torneio?

Os países-sede

Inicialmente a competição organizada pela Federação Internacional de Vôlei (FIVB) aconteceria na Rússia, uma das principais potências da modalidade. Mas o país foi sancionado e proibido de participar de todos os eventos internacionais e continentais pela invasão armada à vizinha Ucrânia. Caminho aberto para que poloneses e eslovenos assumissem a organização, dividindo os jogos.

Ambos os países têm uma longa tradição como anfitriões de torneios da FIVB, com torcidas apaixonadas e boas campanhas recentes (a Polônia é bicampeã mundial e a Eslovênia, vice-campeã europeia). O Mundial é uma das competições mais antigas e tradicional do esporte. Nesse sentido, os especialistas e os sites de apostas como o https://bemslots.com aproveitam muito a visibilidade e já se preparam para acompanhar os jogos e ajudar os apostadores.

Grupos

A Seleção Brasileira não terá moleza na fase inicial do Campeonato Mundial masculino. No sorteio de grupos, o Brasil caiu no Grupo B, ao lado das seleções do Japão, Cuba e Qatar.

No total são 24 equipes, divididas em seis grupos na primeira fase. Segundo o regulamento da FIVB, o sistema de competição classificará a primeira equipe e a segunda de cada grupo, junto com os quatro melhores terceiros para a eliminatória direta. A equipe da Ucrânia lidera o Grupo A, por ser a mais bem colocada no ranking entre as federações que não conseguiram se classificar.

No Grupo C, a Polônia enfrentará os Estados Unidos, o México e a Bulgária. No D, a França duelará com Eslovênia, Alemanha e Camarões. O Grupo E conta com as seleções da Itália, Canadá, Turquia e China. Já no F estão Argentina, dirigida por Marcelo Mendez e medalhista de bronze na Olimpíada de Tóquio, além de Holanda, Irã e Egito.

A Seleção Brasileira no Mundial 

O Brasil tem um histórico vencedor no Mundial, tendo ficado em primeiro lugar nas edições de 2002, 2006, 2010. No último campeonato, em 2018, os brasileiros ganharam a medalha de prata, repetindo o resultado de 2014. Comandada do gaúcho Renan Dal Zotto, a Seleção tenta voltar ao lugar mais alto do pódio.

Veja também

Flávio admite viver momento especial da carreira

Aos 29 anos, Flávio vive um dos melhores momentos da carreira. O meio de rede defenderá o …